-10%

Duas obras de Januário Godinho em Ovar

15,30 inc. VAT

André Tavares
ISBN 9789898217226
Dafne
Capa mole, 172 pp, 15,0×22,5 cm
Portuguese
2012

In stock

Quais as possibilidades e os limites implícitos no trabalho de um arquitecto? Este livro ensaia hipóteses para responder a essa pergunta a partir de duas obras projectadas por Januário Godinho para a então vila de Ovar: o Mercado Municipal e o Tribunal Judicial.

Ambas as obras conheceram vários projectos e foram amplamente debatidas como elementos transformadores do carácter da vila. Esses debates, as suas variantes, hesitações e progressos, revelam aspectos do que é, ou do que foi, o fazer da arquitectura no século XX em Portugal.

Estes projectos atravessaram os primeiros anos do profícuo percurso profissional de Januário Godinho, e o facto de Ovar ser a sua terra natal fez coincidir o afecto pessoal que tinha pelo lugar com o conhecimento profissional que conduziu à sua transformação física. Além disso, estes foram os principais equipamentos construídos durante aquela época em Ovar, o que permite focar nessas operações um sentido de transformação urbana muito preciso.

Este livro engendra-se por entre esse conjunto de coincidências, procurando extrair delas um sentido mais lato sobre as potencialidades que se oferecem ao exercício da arquitectura.