-10%

Joelho N.º 06

11,70 c/IVA

AA.VV
ISSN: 1647954800006
edarq
Brochura, 184 pp, 18 x 24 cm
Inglês
30-12-2015

Em stock

Coord. Jorge Figueira, Rui Lobo, Adelino Gonçalves, Gonçalo Canto MonizFormada em 2010, a Rede PHI Património Histórico+Cultural Ibero-americano é uma rede internacional que a partir da divulgação digital da investigação realizada por estudantes e docentes propõe uma actuação estratégica, diagnóstico, reflexão e proposta, sobre este legado comum.A Universidade de Coimbra, através do Departamento de Arquitetura da Faculdade de Ciências e Tecnologia, é uma das universidades fundadoras desta Rede que integra a Universidade Politécnica de Madrid (Espanha), a Universidade Federal de Minas Gerais (Brasil), a Universidade Nacional Autónoma (México), a Universidade Nacional del Litoral (Argentina), a Pontifícia Católica (Perú), a Universidade Pontifícia Javeriana de Bogotá (Colômbia), a Universidade de Valparaiso (Chile) e virá também a integrar a Universidade de Nápoles (Itália), a Universidade de San Carlos (Guatemala) e a Universidade da República (Uruguai).É objetivo desta rede o desenvolvimento de um sistema inovador de informação para a catalogação e divulgação do património, enquanto instrumento de pesquisa e de ajuda na tomada de decisões dos principais agentes de cooperação e das instituições públicas ou privadas interessadas em programas de investimento no campo da reabilitação, conservação e proteção do património.Num seminário que decorreu, em Coimbra, no dia 28 de Abril de 2014, na Casa da Escrita, teve lugar a fundação da Rede PHI Portugal, com a participação da Escola de Arquitetura da Universidade do Minho, da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto, da Escola Superior Artística do Porto, do Curso de Arquitetura do ISCTE-IUL e do Departamento de Arquitetura do Instituto Superior Técnico. A Rede PHI Portugal irá promover o debate nas escolas e centros de investigação sobre o património Português, particularmente o que incide no quadro da cultura Ibero-Americana, com vista à participação na Rede PHI internacional. Em Novembro de 2015, o Departamento de Arquitetura da FCTUC organizou uma Reunião Internacional da Rede PHI, que teve lugar em Coimbra nos dias 18, 19 e 20.Foi um evento que integrou uma reunião interna da Rede e um encontro público que incidiu sobre a diversidade cultural de perspectivas sobre a intervenção em património, contando com a importante presença de professores provenientes das referidas universidades internacionais e nacionais.Ambos os acontecimentos, o de Abril e o de Novembro, são agora retratados neste número da JOELHO – Revista de Cultura Arquitetónica. Neste quadro, decidimos lançar um call for papers, cujos resultados agora se publicam, dedicado à “questão do património”. O património, a sua reabilitação /preservação /destruição, transformou-se numa questão central do nosso tempo. Mas de que falamos, quando falamos de património? Na última década, o conceito-ação Paisagem Urbana Histórica tem sido o centro deste debate, defendendo-se que a mudança é uma característica inerente da condição urbana e que os bens patrimonializados devem ser objeto de uma gestão integrada visando um desenvolvimento sustentável e não apenas sujeitos a medidas de proteção